VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

8 de abr de 2013

Deus observa (Ester 6.1-14)

Isto nunca falha, não é? As coisas não são como parecem. Quando você pensa que não podem ficar piores, elas ficam. Isto se aplicou certamente a Mardoqueu em um ponto crítico na história de Ester.
Quando tudo parece perdido, as coisas mudam. Mardoqueu poderia ter-se desesperado com a situação na Pérsia. O rei era gentio. Não se interessava pelos judeus. Além disso, seu confidente mais íntimo era Hamã, que odiava desavergonhadamente os judeus. Ester estava no palácio, mas quando o rei descobrisse que era judia, sua vida poderia terminar num instante. Quando tudo parece perdido, as coisas mudam.
Quando ninguém parece importar-se, eles se importam. Lembra-se da decisão corajosa de Mardoqueu, feita quando ele ouviu falar de uma conspiração entre dois dos oficiais que guardavam a entrada do palácio, que planejavam o matar o rei? Quando Mardoqueu soube dessa conspiração, ele contou à sua filha adotiva Ester a respeito. E, por ser rainha, ela alertou o rei.
Ester dissera ao rei que a informação fora dada por Mardoqueu; todavia, ninguém o recompensara pelo seu ato corajoso. Parecia que ninguém notara ou se lembrara. Mardoqueu continuou vivendo sem ser notado, sem ser recompensado ou apreciado – até aquela noite especial.
Gosto das duas primeiras palavras de Ester 6.1: “Naquela noite”. As coisas são assim com Deus. Na última hora, ele interfere e faz o inesperado. Quando ninguém parece notar e se importar, ele nota e se importa. “Naquela noite”.
Aprenda uma lição com Mardoqueu hoje. Em meio a tudo o que lhe aconteceu, ele nunca se tornou um homem vingativo. Nunca tentou revidar a Hamã, mesmo quando teve oportunidade, mesmo quando Hamã se encontrava numa posição muito vulnerável. Ele não lhe dá um chute no rosto quando tem essa chance. Nem sequer fala contra o homem. Quero desafiar você a proteger seu coração como fez Mardoqueu.
Deus não é injusto; ele não se esquecerá do trabalho de vocês e do amor que demonstraram por ele, pois ajudaram os santos e continuam a ajudá-los. Hebreus 6.10
Admiro estas palavras: “Deus não é injusto” e “não se esquecerá”. Quando mais ninguém nota, pode ficar certo, Deus observa. Quando ninguém mais lembra, Deus se lembra para que o fato não seja esquecido.

Dia a dia com os heróis da fé – Dr. Charles Swindoll

Nenhum comentário:

Postar um comentário