VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

17 de abr de 2013

Leitura Cronológica Anual da Bíblia (Mês 2, dia 24)

Números 25-27

Números 25

 (1) E ISRAEL deteve-se em Sitim e o povo começou a prostituir-se com as filhas dos moabitas. (2) Elas convidaram o povo aos sacrifícios dos seus deuses; e o povo comeu, e inclinou-se aos seus deuses. (3) Juntando-se, pois, Israel a Baal-Peor, a ira do SENHOR se acendeu contra Israel. (4) Disse o SENHOR a Moisés: Toma todos os cabeças do povo, e enforca-os ao SENHOR diante do sol, e o ardor da ira do SENHOR se retirará de Israel. (5) Então Moisés disse aos juízes de Israel: Cada um mate os seus homens que se juntaram a Baal-Peor. (6) E eis que veio um homem dos filhos de Israel, e trouxe a seus irmãos uma midianita, à vista de Moisés, e à vista de toda a congregação dos filhos de Israel, chorando eles diante da tenda da congregação. (7) Vendo isso Finéias, filho de Eleazar, o filho de Arão, sacerdote, se levantou do meio da congregação, e tomou uma lança na sua mão; (8) E foi após o homem israelita até à tenda, e os atravessou a ambos, ao homem israelita e à mulher, pelo ventre; então a praga cessou de sobre os filhos de Israel. (9) E os que morreram daquela praga foram vinte e quatro mil. (10) Então o SENHOR falou a Moisés, dizendo: (11) Finéias, filho de Eleazar, o filho de Arão, sacerdote, desviou a minha ira de sobre os filhos de Israel, pois foi zeloso com o meu zelo no meio deles; de modo que, no meu zelo, não consumi os filhos de Israel. (12) Portanto dize: Eis que lhe dou a minha aliança de paz; (13) E ele, e a sua descendência depois dele, terá a aliança do sacerdócio perpétuo, porquanto teve zelo pelo seu Deus, e fez expiação pelos filhos de Israel. (14) E o nome do israelita, que foi morto com a midianita, era Zimri, filho de Salu, príncipe da casa paterna dos simeonitas. (15) E o nome da mulher midianita morta era Cosbi, filha de Zur, cabeça do povo da casa paterna entre os midianitas. (16) Falou mais o SENHOR a Moisés, dizendo: (17) Afligireis os midianitas e os ferireis, (18) Porque eles vos afligiram a vós com os seus enganos com que vos enganaram no caso de Peor, e no caso de Cosbi, filha do príncipe dos midianitas, irmã deles, que foi morta no dia da praga no caso de Peor.

Números 26

 (1) ACONTECEU, pois, que, depois daquela praga, falou o SENHOR a Moisés, e a Eleazar, filho de Arão, o sacerdote, dizendo: (2) Tomai a soma de toda a congregação dos filhos de Israel, da idade de vinte anos para cima, segundo as casas de seus pais; todos os que em Israel podem sair à guerra. (3) Falaram-lhes, pois, Moisés e Eleazar, o sacerdote, nas campinas de Moabe, junto ao Jordão na altura de Jericó, dizendo: (4) Conta o povo da idade de vinte anos para cima, como o SENHOR ordenara a Moisés e aos filhos de Israel, que saíram do Egito. (5) Rúben, o primogênito de Israel; os filhos de Rúben: de Enoque, a família dos enoquitas; de Palu, a família dos paluítas; (6) De Hezrom, a família dos hezronitas; de Carmi, a família dos carmitas. (7) Estas são as famílias dos rubenitas; e os que foram deles contados foram quarenta e três mil e setecentos e trinta. (8) E os filhos de Palu, Eliabe; (9) E os filhos de Eliabe, Nemuel, e Datã, e Abirão: estes, Datã e Abirão, foram os do conselho da congregação, que contenderam contra Moisés e contra Arão no grupo de Coré, quando rebelaram contra o SENHOR; (10) E a terra abriu a sua boca, e os tragou com Coré, quando morreu aquele grupo; quando o fogo consumiu duzentos e cinqüenta homens, os quais serviram de advertência. (11) Mas os filhos de Coré não morreram. (12) Os filhos de Simeão, segundo as suas famílias: de Nemuel, a família dos nemuelitas; de Jamim, a família dos jaminitas; de Jaquim, a família dos jaquinitas; (13) De Zerá, a família dos zeraítas; de Saul, a família dos saulitas. (14) Estas são as famílias dos simeonitas, vinte e dois mil e duzentos. (15) Os filhos de Gade, segundo as suas gerações; de Zefom, a família dos zefonitas; de Hagi, a família dos hagitas; de Suni, a família dos sunitas; (16) De Ozni, a família dos oznitas; de Eri, a família dos eritas; (17) De Arode, a família dos aroditas; de Areli, a família dos arelitas. (18) Estas são as famílias dos filhos de Gade, segundo os que foram deles contados, quarenta mil e quinhentos. (19) Os filhos de Judá, Er e Onã; mas Er e Onã morreram na terra de Canaã. (20) Assim os filhos de Judá foram segundo as suas famílias; de Selá, a família dos selanitas; de Perez, a família dos perezitas; de Zerá, a família dos zeraítas. (21) E os filhos de Perez foram: de Hezrom, a família dos hezronitas; de Hamul, a família dos hamulitas. (22) Estas são as famílias de Judá, segundo os que foram deles contados, setenta e seis mil e quinhentos. (23) Os filhos de Issacar, segundo as suas famílias, foram: de Tola, a família dos tolaítas; de Puva, a família dos puvitas; (24) De Jasube, a família dos jasubitas; de Sinrom, a família dos sinronitas. (25) Estas são as famílias de Issacar, segundo os que foram deles contados, sessenta e quatro mil e trezentos. (26) Os filhos de Zebulom, segundo as suas famílias, foram: de Serede, a família dos sereditas; de Elom, a família dos elonitas; de Jaleel, a família dos jaleelitas. (27) Estas são as famílias dos zebulonitas, segundo os que foram deles contados, sessenta mil e quinhentos. (28) Os filhos de José segundo as suas famílias, foram Manassés e Efraim. (29) Os filhos de Manassés foram; de Maquir, a família dos maquiritas; e Maquir gerou a Gileade; de Gileade, a família dos gileaditas. (30) Estes são os filhos de Gileade; de Jezer, a família dos jezeritas; de Heleque, a família dos helequitas; (31) E de Asriel, a família dos asrielitas; e de Siquém, a família dos siquemitas; (32) E de Semida, a família dos semidaítas; e de Hefer, a família dos heferitas. (33) Porém, Zelofeade, filho de Hefer, não tinha filhos, senão filhas; e os nomes das filhas de Zelofeade foram Maalá, Noa, Hogla, Milca e Tirza. (34) Estas são as famílias de Manassés; e os que foram deles contados, foram cinqüenta e dois mil e setecentos. (35) Estes são os filhos de Efraim, segundo as suas famílias: de Sutela, a família dos sutelaítas; de Bequer, a família dos bequeritas; de Taã, a família dos taanitas. (36) E estes são os filhos de Sutela: de Erã, a família dos eranitas. (37) Estas são as famílias dos filhos de Efraim, segundo os que foram deles contados, trinta e dois mil e quinhentos; estes são os filhos de José, segundo as suas famílias. (38) Os filhos de Benjamim, segundo as suas famílias: de Belá, a família dos belaítas; de Asbel, a família dos asbelitas; de Airã, a família dos airamitas; (39) De Sufã, a família dos sufamitas; de Hufã, a família dos hufamitas. (40) E os filhos de Belá foram Arde e Naamã; de Arde, a família dos arditas; de Naamã, a família dos naamanitas. (41) Estes são os filhos de Benjamim, segundo as suas famílias; e os que foram deles contados, foram quarenta e cinco mil e seiscentos. (42) Estes são os filhos de Dã, segundo as suas famílias; de Suã, a família dos suamitas. Estas são as famílias de Dã, segundo as suas famílias. (43) Todas as famílias dos suamitas, segundo os que foram deles contados, foram sessenta e quatro mil e quatrocentos. (44) Os filhos de Aser, segundo as suas famílias, foram: de Imna, a família dos imnaítas; de Isvi, a família dos isvitas; de Berias, a família dos beriítas. (45) Dos filhos de Berias, foram; de Héber, a família dos heberitas; de Malquiel, a família dos malquielitas. (46) E o nome da filha de Aser foi Sera. (47) Estas são as famílias dos filhos de Aser, segundo os que foram deles contados, cinqüenta e três mil e quatrocentos. (48) Os filhos de Naftali, segundo as suas famílias; de Jazeel, a família dos jazeelitas; de Guni, a família dos gunitas; (49) De Jezer, a família dos jezeritas; de Silém, a família dos silemitas. (50) Estas são as famílias de Naftali, segundo as suas famílias; e os que foram deles contados, foram quarenta e cinco mil e quatrocentos. (51) Estes são os que foram contados dos filhos de Israel, seiscentos e um mil e setecentos e trinta. (52) E falou o SENHOR a Moisés, dizendo: (53) A estes se repartirá a terra em herança, segundo o número dos nomes. (54) Aos muitos aumentarás a sua herança, e aos poucos diminuirás a sua herança; a cada um se dará a sua herança, segundo os que foram deles contados. (55) Todavia a terra se repartirá por sortes; segundo os nomes das tribos de seus pais a herdarão. (56) Segundo sair a sorte, se repartirá a herança deles entre as tribos de muitos e as de poucos. (57) E estes são os que foram contados dos levitas, segundo as suas famílias: de Gérson, a família dos gersonitas; de Coate, a família dos coatitas; de Merari, a família dos meraritas. (58) Estas são as famílias de Levi: a família dos libnitas, a família dos hebronitas, a família dos malitas, a família dos musitas, a família dos coreítas. E Coate gerou a Anrão. (59) E o nome da mulher de Anrão era Joquebede, filha de Levi, a qual nasceu a Levi no Egito; e de Anrão ela teve Arão, e Moisés, e Miriã, irmã deles. (60) E a Arão nasceram Nadabe, Abiú, Eleazar, e Itamar. (61) Porém Nadabe e Abiú morreram quando trouxeram fogo estranho perante o SENHOR. (62) E os que deles foram contados eram vinte e três mil, todo o homem da idade de um mês para cima; porque estes não foram contados entre os filhos de Israel, porquanto não lhes foi dada herança entre os filhos de Israel. (63) Estes são os que foram contados por Moisés e Eleazar, o sacerdote, que contaram os filhos de Israel nas campinas de Moabe, junto ao Jordão na direção de Jericó. (64) E entre estes nenhum houve dos que foram contados por Moisés e Arão, o sacerdote, quando contaram aos filhos de Israel no deserto de Sinai. (65) Porque o SENHOR dissera deles que certamente morreriam no deserto; e nenhum deles ficou senão Calebe, filho de Jefoné, e Josué, filho de Num.

Números 27

 (1) E CHEGARAM as filhas de Zelofeade, filho de Hefer, filho de Gileade, filho de Maquir, filho de Manassés, entre as famílias de Manassés, filho de José; e estes são os nomes delas; Maalá, Noa, Hogla, Milca, e Tirza; (2) E apresentaram-se diante de Moisés, e diante de Eleazar, o sacerdote, e diante dos príncipes e de toda a congregação, à porta da tenda da congregação, dizendo: (3) Nosso pai morreu no deserto, e não estava entre os que se congregaram contra o SENHOR no grupo de Coré; mas morreu no seu próprio pecado, e não teve filhos. (4) Por que se tiraria o nome de nosso pai do meio da sua família, porquanto não teve filhos? Dá-nos possessão entre os irmãos de nosso pai. (5) E Moisés levou a causa delas perante o SENHOR. (6) E falou o SENHOR a Moisés, dizendo: (7) As filhas de Zelofeade falam o que é justo; certamente lhes darás possessão de herança entre os irmãos de seu pai; e a herança de seu pai farás passar a elas. (8) E falarás aos filhos de Israel, dizendo: Quando alguém morrer e não tiver filho, então fareis passar a sua herança à sua filha. (9) E, se não tiver filha, então a sua herança dareis a seus irmãos. (10) Porém, se não tiver irmãos, então dareis a sua herança aos irmãos de seu pai. (11) Se também seu pai não tiver irmãos, então dareis a sua herança a seu parente, àquele que lhe for o mais chegado da sua família, para que a possua; isto aos filhos de Israel será por estatuto de direito, como o SENHOR ordenou a Moisés. (12) Depois disse o SENHOR a Moisés: Sobe a este monte de Abarim, e vê a terra que tenho dado aos filhos de Israel. (13) E, tendo-a visto, então serás recolhido ao teu povo, assim como foi recolhido teu irmão Arão; (14) Porquanto, no deserto de Zim, na contenda da congregação, fostes rebeldes ao meu mandado de me santificar nas águas diante dos seus olhos (estas são as águas de Meribá de Cades, no deserto de Zim). (15) Então falou Moisés ao SENHOR, dizendo: (16) O SENHOR, Deus dos espíritos de toda a carne, ponha um homem sobre esta congregação, (17) Que saia diante deles, e que entre diante deles, e que os faça sair, e que os faça entrar; para que a congregação do SENHOR não seja como ovelhas que não têm pastor. (18) Então disse o SENHOR a Moisés: Toma a Josué, filho de Num, homem em quem há o Espírito, e impõe a tua mão sobre ele. (19) E apresenta-o perante Eleazar, o sacerdote, e perante toda a congregação, e dá-lhe as tuas ordens na presença deles. (20) E põe sobre ele da tua glória, para que lhe obedeça toda a congregação dos filhos de Israel. (21) E apresentar-se-á perante Eleazar, o sacerdote, o qual por ele consultará, segundo o juízo de Urim, perante o SENHOR; conforme a sua palavra sairão, e conforme a sua palavra entrarão, ele e todos os filhos de Israel com ele, e toda a congregação. (22) E fez Moisés como o SENHOR lhe ordenara; porque tomou a Josué, e apresentou-o perante Eleazar, o sacerdote, e perante toda a congregação; (23) E sobre ele impôs as suas mãos, e lhe deu ordens, como o SENHOR falara por intermédio de Moisés.

Nenhum comentário:

Postar um comentário