VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

25 de jun de 2013

NÃO ANSEIE POR RIQUEZAS

Não se consuma desejando riquezas. Apodere-se o quanto puder da verdadeira sabedoria e da bondade. Mas se contente com uma porção bem moderada das fortunas deste mundo. As riquezas podem ser tanto maldição quanto bênção.
Caminhando através de um pomar, olhando aqui e ali, notei uma árvore dobrada até o chão, mais carregada de frutas do que as outras. Examinando-a de perto, entendi que o peso de seus tesouros havia inclinado e quebrado a árvore. “Ah”, exclamei, olhando para a árvore, “esta aqui foi arruinada por suas riquezas!”
Mais adiante, deparei-me com um pastor lamentando a perda de um carneiro, que estava mutilado e morto a seus pés. Quando perguntei o que havia acontecido, o pastor respondeu que um cachorro desconhecido atacou o rebanho. As outras ovelhas escaparam por um buraco na cerca viva, mas o carneiro tinha excesso de lã e ficou preso, e o cachorro acabou com ele. “Mais um que foi arruinado por suas riquezas”, comentei.
No final de minha andança, encontrei um homem manquitolando em duas pernas de pau, apoiado em muletas. “Meu pobre amigo, como foi que você perdeu as pernas?”
“Bom, meu senhor, quando eu era jovem, fui pra guerra. Eu e alguns companheiros atacamos um grupo inimigo, e o derrotamos; a seguir, pilhamos os despojos. Peguei tudo o que podia, e um pouco mais. Começamos a ser perseguidos; meus companheiros escaparam; eu fui pego e torturado. Para salvar a vida, tive de perder as pernas. A pilhagem foi uma decisão ruim, mas agora é tarde pra arrependimentos.”
Pensei: “Ah, meu amigo, igual à árvore carreada de frutos e ao carneiro mutilado, sua ruína pode ser atribuída às suas possessões. Sua riqueza provocou a sua queda”.
Charles Spurgeon

Nenhum comentário:

Postar um comentário