VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

26 de out de 2013

DEVOCIONAL BOA SEMENTE


SILÊNCIO PRECIOSO

E, como não podíamos convencê-lo, nos aquietamos, dizendo: Faça-se a vontade do Senhor (Atos 21:14).

Em tempos de grande provação e tristeza, manter silêncio é um sinal de força espiritual. Em tais circunstâncias não é possível dizer nada, embora dentro em nós haja um turbilhão. Mas não é isso o que queremos dizer com “manter silêncio”. Os crentes de Cesaréia haviam tentado, com lágrimas, impedir o apóstolo Paulo, o amado mestre deles, de fazer a perigosa viagem a Jerusalém. Mas quando perceberam que a convicção dele era tão profunda que estava preparado a morrer pelo Nome de Jesus, pararam de lhe suplicar. Esse tipo de silêncio é de fato precioso. Aprendamos com os cristãos de Cesaréia.

A submissão deles foi marcada por uma palavra santa e abençoadora: “Faça-se a vontade de Deus”. Aceitar Sua vontade é o caminho para se alcançar a paz de espírito. Se uma ordem que o Senhor nos deu parece muito difícil ou humilhante, o melhor a fazer é aceitar isso com vindo dEle, que tem “pensamentos de paz, e não de mal” a nosso respeito (Jeremias 29:11). Isso irá nos ajudar. O que parece duro, até mesmo impossível, se torna mais fácil com Sua ajuda. Toda a amargura e a maior dor desaparecem quando aprendemos a dizer do fundo do coração: “Faça-se a vontade do Senhor”, ainda que em meio a lágrimas.

As provações do Senhor eram infinitamente maiores quando clamou: “Pai, se queres, passa de mim este cálice; todavia não se faça a minha vontade, mas a tua” (Lucas 22:42).

http://devocionalboasemente.blogspot.com.br/2013/10/silencio-precioso.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário