VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

19 de nov de 2014

ENGANADO PELO SOM

E, ouvindo Josué a voz do povo que jubilava, disse a Moisés: Alarido de guerra há no arraial. Porém ele respondeu: Não é alarido dos vitoriosos, nem alarido dos vencidos, mas o alarido dos que cantam, eu ouço  
 (Êxodo 32:17-18).


Perdido na mata, um homem procurava desesperadamente encontrar a saída. Suas forças já se esgotavam. De repente ele ouviu um barulho ao longe que parecia ser o som de um metal sendo trabalhado. Suas esperanças se acenderam. A civilização deveria estar próxima. Ele reuniu suas poucas forças e, com valentia, foi em direção ao som. Mas parecia que nunca se aproximava do barulho. Por fim, ele caiu no chão, para nunca mais se levantar. A araponga gritou mais uma vez. O esquisito canto dessa ave tropical imita com perfeição a batida estridente de martelo sobre uma bigorna, produzindo um som metálico inconfundível. Ao invés de oferecer segurança ao cansado viajante, o som o atraiu para a morte.

Josué cometeu o mesmo erro. Quando ouviu o som de gritos, sua mente militar imediatamente assumiu que eram sons de batalha. Mas Moisés, experiente nos caminhos da natureza humana, percebeu que era algo bem mais sinistro. O que Josué considerou sons de perigo físico iminente, Moisés reconheceu como sons de perigo espiritual iminente. Ao invés de guerra, o barulho era de devassidão e imoralidade.

Satanás é um hábil produtor de sons, e gosta mascarar a realidade do pecado com sons enganadores. Ele cobre seus ímpios caminhos com palavras que soam nobres, agradáveis e lógicas. Ele esconde suas mentiras e fraude sob risadas estridentes, apelos emocionais e aparente sinceridade. As consequencias são idolatria e morte espiritual.

Não seja enganado pelos sons. Sempre examine o que você ouve pelo filtro da Palavra de Deus. Se não é consistente com a Bíblia, ignore, não importa o quanto o som pareça agradável.

Nenhum comentário:

Postar um comentário