VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

12 de fev de 2013

ORAÇÃO E REAVIVAMENTO


O relato abaixo foi feito por T. DeWitt Talmage.

No inverno de 1875, realizávamos os cultos na Academia de Música do Brooklyn. A audiência era ótima, todavia o fato de termos poucas decisões por Cristo me deixava intrigado.
Numa terça-feira, convidei cinco homens mais velhos, cristãos dedicados, para irem à minha casa. Levei-os para o andar de cima e disse: “Chamei-os aqui para um momento especial de oração. Estou ansioso para ver um grande número de pessoas se voltarem para Deus. Nossos cultos ficam lotados; o auditório é atento e respeitoso, mas não acho que estão salvos. Vamos nos ajoelhar, e cada um de nós vai orar, e ninguém sairá daqui até estarmos certos de que a bênção virá, e que já veio!”
Foi um tempo de clamor intenso perante Deus. Eu disse: “Irmãos, manteremos esta reunião em segredo”, e todos concordaram: “Assim será”.
Na sexta-feira seguinte, à noite, realizamos o culto de oração, como sempre fazíamos.
Ninguém sabia a respeito da reunião de terça-feira, mas um grupo grande de pessoas compareceu ao culto. Homens que costumavam orar com toda compostura, cederam à emoção. O auditório todo pranteou.
Havia soluços, silêncios e solenidade de uma força tão incomum que os adoradores se entreolhavam como a perguntar: “O que significa tudo isso?” No domingo seguinte, embora não nos reuníssemos num templo, cerca de quatrocentas pessoas se levantaram para orar. Um despertar religioso tomou conta de nós, e tornou aquele inverno inesquecível.
(Sword of the Lord)

Nenhum comentário:

Postar um comentário