VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

9 de dez de 2013

A ALEGRIA DO NATAL

Lucas 2:10-12
Não há autoridade Bíblica para observar o dia 25 de dezembro como o dia do nascimento de Cristo. Mesmo assim, neste dia damos graças a Deus pelo Seu dom inefável, o Seu Filho.
Nos versículos dez a doze do capítulo dois de Lucas temos o primeiro sermão desde a época do Velho Testamento; e o pregador é um anjo.A palavra chave neste sermão é “alegria”, veja o verso 10: “grande alegria”
1. A ALEGRIA DE NATAL É UMA GRANDE ALEGRIA. V.10
V.10 “grande alegria
a. Havia muito medo. O verso nove diz que, ao ver o anjo, os pastores “ficaram tomados de grande temor.
b. O medo do povo quando Deus deu a lei.
c. Agora o homem pode aproximar-se de Deus sem medo. Agora Deus aparece como Pai e não como Juiz.
d. A alegria do mundo superficial. Haverá muitas festas de Natal mas ao mesmo tempo, muita infelicidade. Já pensou numa festa de aniversário onde ninguém convidou o aniversariante? Mas no Natal Jesus não será bem vindo em muitas das festas!
e. A alegria do crente é genuína e permanente.
2. A ALEGRIA DE NATAL É UMA ALEGRIA SANTA. V.14a
V.14a “Glória a Deus nas maiores alturas,”
a. É santa porque é associada com a glória de Deus.
b. Celebrando o nascimento do FILHO SANTO, há mais PECADO do que em qualquer outra época do ano, exceto no carnaval!
3. OS MOTIVOS DESTA ALEGRIA.
a. Deus se encarnou para unir Deus e o homem. O pecado havia separado o homem de Deus. A encarnação era o prelúdio à cruz e a cruz fez “uma ponte” pela qual o homem pode se aproximar de Deus.
Jesus revelou a Pessoa de Deus. Alguém falou o seguinte: “Até que Jesus viesse nós sabíamos que Deus havia criado o universo, mas não sabíamos que trabalharia com as ferramentas de carpinteiro. Sabíamos que Ele estava cercado de anjos mas não sabíamos que Ele comeria com publicanos e pecadores. Nós sabíamos que Ele segurava a terra nas Suas mãos, mas não sabíamos que Ele notaria quando um passarinho caísse.”
b. As promessas de Deus concernentes ao Messias têm sido cumpridas. Desde a primeira promessa feita a Adão e Eva (Gên.3:15) as promessas a respeito da primeira vinda de Jesus têm sido cumpridas.
c. Estamos alegres porque Jesus veio como o Salvador. V.11o Salvador” Deus havia visitado a terra antes, como Juiz. Veja como Ele destruiu Sodoma e Gomorra. Mas agora Jesus veio não como Juiz para julgar e punir mas para perdoar.
d. Estamos alegres porque Jesus veio como o Cristo. V.11Cristo” Cristo significa “Ungido”. Ele não era um salvador “amador” que veio sem autoridade. Ele foi escolhido, ordenado e ungido por Deus Pai. Ele é ungido, como Profeta, para pregar o evangelho com poder. Como Sacerdote, Ele é ungido para oferecer Sacifício. Com o Rei, Jesus é ungido para reinar para sempre.
e. Estamos alegres porque Jesus veio como o Senhor. V.11o Senhor” A palavra “Senhor” aqui significa “Jeová”; é a mesma palavra que aparece nos versículos 9 e 23. Jesus é o grande Jeová na carne!
É uma alegria para o crente saber que o Salvador é também o Senhor. Um anjo, por exemplo, não poderia ter agüentado o pêso dos nossos pecados
Pr. Jaime King

Nenhum comentário:

Postar um comentário