VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

14 de fev de 2014

CANDOBLÉ, CONHECER PARA COMBATER

Uma de nossas conceituadas revistas científicas trouxe uma reportagem de doze páginas sobre o CANDOMBLÉ; uma seita pseudo-religiosa que pratica rituais demoníacos e oferece sacrifícios a demônios em seus “terreiros” de cultos. Segundo afirmação oficiosa, cerca de 70 milhões de brasileiros estão ligados direta ou indiretamente aos terreiros de macumba. Oriundo da África, o Candomblé foi trazido ao Brasil pelos escravos, onde no início, era considerado como feitiçaria e agora torna-se uma das religiões mais populares do país.
ATAQUE - O Candomblé utiliza-se de alguns rituais de oferendas a seus deuses (que são muitos!). Durante uma cerimônia secreta, animais são mortos e alguns de seus órgãos são oferecidos aos demônios, também chamados de ORIXÁS, enquanto os “filhos-de-santo” aguardam o início do culto. Há, ainda, a oferta de comida a EXU (guardião da entrada e das encruzilhadas). Ao som de atabaques, algumas pessoas são “possuídas” e fazem coisas que não se lembram mais tarde. Alguns orixás possuem até características humanas. Alguns dos mais conhecidos e cultuados orixás no Brasil são: EXU (o próprio diabo); OGUM; OXUM; XANGÔ; IEMANJÁ (também cultuada na Igreja Católica) e OXALÁ. Cada orixá tem seu símbolo, seu dia, seus sacrifícios e suas oferendas. O cargo mais elevado na seita é o de BABA-LORIXÁ e LALORIXÁ (pai e mãe-de-santo), que possúem vários subordinados. Os pais e mães-de-santo, através dos BÚZIOS, praticam a adivinhação e com isso enganam milhares de pessoas.
DEFESA - E a Bíblia, o que diz a respeito disto? Como deve se portar o crente em meio a tudo isto? A primeira coisa é não ficar calado; temos que ser ousados como Pedro e João perante o Sinédrio (At. 4:19-20). Em Êxodo 29, o Senhor Deus dá todos os detalhes sobre o sacrifício e as cerimônias de consagração, numa prova autêntica de que toda honra, glória e louvor deve ser dado a Ele. Jesus é o Cordeiro de Deus, o último sacríficio de expiação pelos nossos pecados. Nesta seita diabólica, as criações de Deus (porco, pomba, galinha, etc.), são sacrificadas e oferecidas a demônios. Se EXU é o guardião das ruas, se eles têm uma padroeira para cada cidade, estado ou país; nós temos um Deus forte, tremendo criador do céu e da terra e que domina todo o universo (Sl. 24:1). A prática da adivinhação e da feitiçaria estão terminantemente proibidas na Bíblia, pois triste será o fim daqueles que as praticam (Ap. 21:8).
CONCLUSÃO - Candomblé, Macumba, Umbanda, Espiritismo, Mesa-branca, Rosa-Cruz, Culto Afro-brasileiro e muitos outros, são feitiçarias que têm suas raízes infiltradas no inferno, de onde o chefe-maior, o diabo, controla a vida e a morte dos seus seguidores. A cada dia que passa milhões de pessoas desesperadas procuram os terreiros de macumba para resolverem seus problemas: são em sua maioria problemas conjugais, econômicos e emocionais e essas pessoas são capazes de fazer qualquer coisa para subir na vida ou arrasar com o seu próximo. Jesus ensinou o amor porque Ele é o próprio amor. Em primeiro lugar devemos ter amor pelas almas perdidas e depois mostrar a verdade, porque só a verdade liberta (Jo. 8:32). Há muitos ex-pais e mães-de-santo convertidos ao evangelho hoje, mas há milhares perdidos.
Com todo esse misticismo bem alimentado pelo Catolicismo Romano, que esconde essas seitas demoníacas por trás de uma cortina suja chamada cultura, não há país que progrida, não há plano econômico que dê certo; porque estão deixando Deus de lado e servindo a deuses estranhos, adorando mais a criatura do que o criador e transformando em mentira a verdade divina. Uma das palavras mais comuns entre os brasileiros hoje é AXÉ, que o povo de Deus não permita que tal palavra entre em seus lares e ao invés disto, batalhemos para que no lugar desta palavra, o povo possa clamar ALELUIA, que quer dizer “Louvai ao Senhor”. Que Ele seja louvado e que as hostes espirituais da maldade, da bruxaria e da feitiçaria sejam derribadas pelo poder do sangue de Jesus.
Samuel de Santana Cazumbá

Nenhum comentário:

Postar um comentário