VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

7 de abr de 2014

VEREDITO UNÂNIME


O assassino diz que estava bêbado e não sabia o que fazia.
O juiz diz que o álcool contribui para o crime, mas não o executa.
O psicólogo diz que o álcool tira a razão do homem.
O medico diz que o álcool debilita a resistência e abrevia a vida.
O moralista diz que o álcool e o moral nunca andaram juntos.
A moça diz que o bafo de álcool é repugnante.
A mãe diz que o álcool tira a tranquilidade do lar.
Quando o pai está sóbrio os filhos correm para ele, e dele quando ébrio.
A esposa diz que o álcool contribui para o divórcio.
O dono da funerária diz que o álcool traz progresso para os negócios.
O dono da destilaria diz que basta dar um pouco para um jovem para ter um freguês para o resto da vida.
O eleitor “bebum” diz que vendeu o seu voto por uma dose.
O legislador proibicionista diz que prefere opor-se a seu eleitorado a opor-se à sua consciência.
O pastor diz que o álcool contribui para perdição de muitas almas.
A Bíblia diz que os alcoólatras jamais herdarão o reino dos céus.
O bom senso diz que não havendo uma primeira vez, uma “provadinha” não haverá um dependente.
Diz o Francês Willard: “A vida de um alcoólatra divide-se em duas partes:
1. Ele poderia ter parado se desejasse;
2. Ele teria parado se pudesse”.
E agora: Qual é o seu veredito?
B.E. Bergesen
(Espada do Senhor)

Nenhum comentário:

Postar um comentário