VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER

"A Igreja deve atrair pela diferença e não pela igualdade" C.H. Spurgeon

VISITE A IGREJA BATISTA REGULAR EBENÉZER
R. José Severiano Câmara, 244 - Centro - João Câmara/RN

TERÇA:.........................Sociedade Masculina -.................19:30hs.
..........................................Sociedade Feminina -...................19:30hs.
QUARTA:.....................Culto de Oração -.........................19:30hs.
SÁBADO:......................Projeto Boas Novas -..................15:30hs.
..........................................Culto da Mocidade -....................19:30hs.
DOMINGO:..................Escola Bíblica Dominical -..........08:00hs.
..........................................Culto Oficial -..............................19:00 hs.

Culto de Ação de Graças

18 de abr de 2015

SARA, UM EXEMPLO PARA AS MULHERES MODERNAS

Muitos exemplos na Bíblia são clássicos. Estes exemplos incluem os sofrimentos de Jó, a pureza moral de José e a fé de Abraão. Acrescente-se a esta lista de exemplos o que Sara deixou para a mulher. Pedro referiu-se a ela quando escreveu: “como Sara obedecia a Abraão, chamando-lhe senhor; da qual vós sois filhas, fazendo o bem, e não temendo nenhum espanto.” ( I Pedro 3:6 ). 
Sara deixou um exemplo de ascensão sobre seus pecados e fracassos em vida. Apesar de um tremendo exemplo de feminilidade, Sara foi completamente humana. Em duas ocasiões ela concordou com seu marido em enganar aos outros. ( Gên. 12 e 20 ). Sua falta de fé levou-a a propor que Abraão tomasse sua criada, Agar, para dar-lhe um herdeiro, e depois do nascimento de Ismael, o desprezo de Agar levou Sara a culpar Abraão, pelos problemas causados por ela. Quando os anjos anunciaram o nascimento de Isaque, Sara riu, e continuou a negar seu riso ( Gên. 18: 12-15 ). Mas à despeito destas fraquezas e deficiências, Sara não desistiu. Ela continuou a ter a presença de seu marido e o sustento do seu Deus.
Sara possuía uma beleza rara, fisicamente e espiritualmente. Sua grande beleza física é insinuada quando Abraão disse: “Ora bem sei que és mulher formosa à vista.” ( Gên. 12:11 ). Dois reis terrenos, o Faraó do Egito e um rei filisteu, reconheceram esta beleza rara e quiseram levar Sara para seus haréns. Foi a beleza de Sara que criou problemas particulares em sua vida, exatamente como ela pode fazer para as mulheres hoje. A rara beleza física pode ser desejada e admirada, mas ela também pode ser fonte de muitos aborrecimentos na vida.
Sara igualmente possuía uma rara beleza espiritual. Pedro exaltou essa beleza interior em I Pedro 3: 3-6. Seus verdadeiros adornos eram sua pureza, seu temor a Deus, sua humildade, seu espírito quieto, sua fé e sua submissão à Abraão. Para Deus, é a beleza interior ou espiritual de uma pessoa que importa, não a beleza exterior ou física. Nem toda mulher pode possuir a rara beleza física de Sara, mas toda mulher pode adquirir a rara beleza espiritual que ela tinha.
Sara deixou um exemplo de família consagrada. A lealdade para com seu marido Abraão, como aquela de Rute para com sua sogra, Noemi: “ Não me instes para que te deixe, e me afaste de ao pé de ti. Porque aonde quer que eu tu fores, irei eu; e onde quer que pousareis à noite, ali pousarei eu; o teu povo é o meu povo, o teu Deus é o meu Deus. Onde quer que morreres, morrerei eu, e ali serei sepultada; faça-me assim o Senhor, e outro tanto, se outra coisa que não seja a morte me separar de ti.” ( Rute 1:16-17 ). Sara deixou a família e os amigos para acompanhar Abraão. Eles foram “ unidos como um só.”
Sara foi uma mulher de grande fé. Existiram horas de dúvida e medo, mas Pedro chamou-a de uma das “santas mulheres” de antigamente ( I Ped. 3:5 ) e o escritor de Hebreus incluiu os nomes de somente duas mulheres no capítulo onze, aquele grande capítulo de fé, e o nome de Sara foi um deles. Atualmente, o mundo precisa de mais mulheres como Sara.
(Charles L. Brown - Pulpit Helps)

Nenhum comentário:

Postar um comentário